twitter youtube facebook linkedin email
Connect with:

Por Dentro da Autodesk Brasil

Autodesk discute estratégias para implementação do BIM no Brasil em evento do Governo Federal

Priscilla Fiorin
August 21, 2020

A Autodesk Brasil participou esta semana como convidada de um evento on line com a Frente Parlamentar do BIM (Building Information Modeling) para discutir estratégias de implementação da metodologia no País. Esta metodologia será adotada como pré-requisito à contratação de obras de infraestrutura federais a partir de 2021, de acordo com o decreto nº 10.306, assinado em 2 de Abril de 2020.

O evento conduzido pelo coordenador-executivo da Frente Parlamentar do BIM, Washington Luke. Também contou com a participação do deputado federal Hildo Rocha, Presidente da Frente Parlamentar do BIM: Fernanda Elias, coordenadora da Secretaria Executiva do Ministério da Infraestrutura; Sylvio Mode, presidente da Autodesk Brasil entre outros porta-vozes relevantes para a discussão do tema.

Sylvio Mode abordou como a tecnologia de ponta aplicada a obras civis pode ser estratégica para a retomada do crescimento econômico do País. O executivo também destacou que a empresa tem ajudado instituições privadas e governos nas esferas municipais, estaduais, e em alguns órgãos federais, já há mais de uma década, na adoção da metodologia como forma de garantir o melhor nível de eficiência e transparência no gerenciamento de obras civis.

O BIM é uma metodologia de projetos e construção na indústria de engenharia civil e arquitetura que tem representado nos últimos anos um expressivo crescimento na sua adoção e desenvolvimento, pois é uma das grandes inovações no setor para aumentar a sua produtividade, qualidade dos projetos e construção além de economia.

Há dados em relação ao sucesso da aplicação desta metodologia. Para se ter uma ideia, o governo do Reino Unido tornou o BIM mandatório em 2016 e desde então tem tido economia de 20% nos custos de obra além de maior transparência e controle sobre obras licitadas e contratadas.

Pela experiência de quem já adotou a metodologia, o BIM permite redução de até 20% nos custos de uma construção, do projeto à manutenção pós obra, o que é estratégico tanto na elaboração de projetos quanto no acompanhamento e fiscalização dando mais transparência ao processo.

A indústria de construção tem um dos maiores índices de perda (30%) e responsável por grande parte (25%) de todo o lixo do planeta. A metodologia BIM certamente ajuda a reduzir esses números por oferecer um planejamento mais assertivo e com mais acuracidade para cada projeto em que é aplicada.

A Frente Parlamentar do BIM, criada em 2019, defende a importância estratégica da adoção do BIM para o Brasil como forma de acelerar projetos de infraestrutura e consequentemente a melhoria de vida da população.

O Link da gravação do evento pode ser encontrado neste link.

 

  • Users Favorites

    • Your favorites will be here.
  • Featured Links

    Priscilla Fiorin

    Priscilla Fiorin é jornalista e trabalha há 20 anos no setor de tecnologia. Há 8 na Autodesk, é responsável pelas ações de Brand Marketing da empresa.

    0 Comments