twitter youtube facebook linkedin email
Connect with:

Mundo AEC - Blog Oficial sobre AEC da Autodesk Brasil

Para aqueles que são usuários do AutoCAD Civil 3D e tem a assinatura Desktop ou Manutenção, o Papai Noel chegou mais cedo esse ano. Três módulos do software Civil 3D – Autodesk Bridge Module, River and Flood Analysys Module, e Geotechnical Module – anteriormente disponível apenas para assinantes da Autodesk Infrastructure Design Suite Premium and Ultimate, agora está disponível para assinantes do Civil 3D.

Então você deve estar se perguntando, qual é a grande vantagem? Para começar, você terá muito mais valor ao dinheiro investido no software e nos processos, com ênfase no valor. Não importa se você é um engenheiro civil trabalhando com análise de drenagem e mapeando planícies de inundação, ou um engenheiro de pontes, procurando uma maneira mais fácil de integrar o projeto de uma ponte com um projeto de rodovia; você se depara com o desafio de fluxos de trabalho desconectados e processos de importar/exportar que consomem tempo e reduzem a capacidade de colaboração entre modelos de diferentes disciplinas da engenharia.

1

Se você é um típico engenheiro civil, você está sempre lutando com maneiras mais precisas de integrar projetos com a extensa opções multidisciplinar da engenharia civil. Essa integração é melhor alcançada com softwares que trabalham conjuntamente, parta que os fluxos de trabalho estejam conectados, permitindo que os usuários criem o modelo em um lugar, investiguem os impactos de cada fluxo num quadro geral, e fazer todas as mudanças num mesmo software de engenharia civil.

Todos os três módulos rodam dentro do Civil 3D, permitindo integrar os modelos multidisciplinares em um modelo mais amplo e de maneira mais precisa, sem ter que colocar as informações em aplicativos separados. Você também pode tirar vantagem de capacidades de análise e atualizações dinâmicas no modelo, de acordo com as mudanças do projeto. Isso expande o valor do modelo e permite que o time trabalhe em todos os aspetos do projeto, e incorpore a dimensão da análise necessária.

Vamos olha mais de perto o porquê da importância desses módulos, como ele contribuem para uma visão geral no fluxo de trabalhos do BIM, e o valor que eles trazem consigo, tanto individualmente, como no modelo geral do Civil 3D.

 

River and flood analysis module

Você sabe a importância da análise de alagamentos em terrenos em processo de desenvolvimento, e a tendência é se tornar mais importante conforme caminhamos para o futuro. Estudos mostram que a expansão urbana vai expor mais áreas a alagamentos e secas em um futuro próximo. De acordo com um estudo realizado por pesquisadores da Universidade do Texas A&M, publicada no sciencedirect.com, aproximadamente 40% (725.196,7 km2) de toda área urbana global estará localizado em locais com alta frequência de inundações ate 2030. Até sem mudanças no clima, a extensão de áreas urbanas expostas tanto a inundações quanto a secas tem tendência de mais do que triplicar até lá.

Isso aponta uma necessidade crítica de engenheiros com a capacidade de atingir o objetivo dos projetos de maneira mais rápida e precisa – sendo a modelagem de uma planície de inundação destinada a preocupações de segurança pública, estudos de inundações mostrando impactos no meio ambiente para iniciativas em busca de melhorias, projetos de restauração (como as restaurações de afluentes), ou a criação de um novo empreendimento – que vai mitigar futuros problemas de alagamento. Um software robusto de análise de rios e enchentes proporciona soluções atraentes para atingir os objetivos do projeto.   

A Autodesk River and Flood Analysis Module é uma solução integrada que ajuda usuários a realizar cálculos HEC-RAS e modelagem para analisar a hidráulica do fluxo de água em rios e outros córregos e canais, diretamente com o modelo do Civil 3D. O módulo automatiza o corte de seções transversais HEC-RAS, análise da superfície de água, mapeamento de planícies de inundações, e outras atividades relacionadas a modelagem.

2

Usando o módulo, usuários do Civil 3D podem utilizar ferramentas de automação de mapeamento para extrair seções transversais de vários modelos de terrenos digitais; realizar análises sofisticadas de pontes e galerias, automatizar processos de design e analise de cortes de rodovias; realizar cálculos de assoreamento para estudos de rodovias para os Departamentos Federais e Estaduais de Transportes de maneira automatizada; e automaticamente gera mapas de várzeas e vias de inundação. Ganha-se eficiência devido integração com o Civil 3D, porque é possível projetar, inspecionar e avaliar em um só lugar. Usuários podem olhar os resultados das análises, avaliar impactos, e fazer as mudanças necessárias baseadas nos impactos apresentados. O resultado é um fluxo de trabalho integrado que salva tempo.

Bridge Design

Pontes representam outra área de vital importância na engenharia civil. De acordo com a Federal Highway Administration nos E.U.A., mais de 30% das 600 mil pontes nos Estados Unidos já excederam suas vidas úteis de 50 anos, resultando na necessidade do aumento e do foco na engenharia de pontes.

O processo complicado e detalhado do projeto de pontes é melhor suportado por um software robusto e integrado, com soluções que incorporam o projeto de pontes e a análise do conjunto com o design da rodovia como um todo. O Autodesk Bridge Module integra com o Civil 3D para que usuários possam facilmente integras suas pontes com o modelo de engenharia civil. Isso permite que as engenharias civil e estrutural colaborem entre si através do mesmo software – AutoCAD Civil 3D.

3

Usando o módulo, usuários podem criar um modelo de ponte com alinhamentos no Civil 3D. Os sólidos da ponte e todos os objetos que a compõe – cais, vigas e pilares – são criados para que eles possam ser vistos dentro do Civil 3D. Durante o projeto, o usuário pode realizar múltiplas mudanças de acordo com as necessidades, e também é possível verificar e adicionar elementos estruturais; é possível importar o modelo da ponte para o Autodesk Revit Structure software.

O Bridge Module ajuda a integrar processos das engenharias civil e estrutural para modelar, analisar, e documentar pontes; e modelar pontes para instalação baseado na geometria crítica no Civil 3D.

Geotechnical modeling

É um tanto óbvio o quanto a engenharia geotécnica é crítica para minimizar riscos de projetos e ambientais em projetos de infraestrutura. O conhecimento das condições das subcamadas é vital para avaliação precisa das opções de projeto, e um software que compreende e integra esses elementos é crucial.

O Autodesk Geotechnical Module ajuda usuários a juntar dados, visualizar e modelar tais dados juntamente com o projeto de engenharia civil no Civil 3D. Os usuários podem importar dados de furos no subsolo em formatos AGS e CSV, criar mapas das subcamadas em 3D, gerar superfícies no Civil 3D a partir das camadas, mostrar em 2D o furo com dados logarítmicos e seções transversais no Civil 3D, e documentar as camadas do furo. O Geotechnical Module ajuda os usuários a integrar os dados geotécnicos no projeto de maneira mais fácil e acelera o processo de criação e exibição para investigação em campo, além de reportar impactos ambientais.   

4

Se você ainda não usa o AutoCAD Civil 3D, faça o teste gratuito por 30 dias.

Para ler o post original, clique aqui.

Caso queira aprender mais sobre os módulos, dê uma olhada em nosso Hands-ON

Obrigado e até a próxima

Pedro Soethe

Pedro Luis Soethe Cursino é formado em Engenharia Civil pela Universidade de Taubaté, tem pós-graduação em Georreferenciamento pela Faculdade de Pirassununga e em Estradas e Vias Urbanas pela FESP. Trabalha a mais de 15 anos na área de infraestrutura e é responsável por vários projetos executados no Brasil em diversas disciplinas como estradas, projetos urbanos, loteamentos, infraestrutura hidro-sanitária, drenagem, terraplanagem entre outras.

2 Comments

View by:
Most Recent Oldest
  1. Avatareduguedes

    0

    0

    É possivel testar os Módulos de Produtividade sem ter nenhum tipo de assinatura?

'