twitter youtube facebook linkedin email
Connect with:

Mundo AEC - Blog Oficial sobre AEC da Autodesk Brasil

Autodesk Infraworks – Melhores Práticas, Dicas e Truques – Parte 2

Pedro Soethe
02/11/2014

Olá, pessoal!!

Hoje vamos falar um pouco sobre algumas dicas para fluxo de informações de levantamentos topográficos e estratificação de solos utilizando o AutoCAD Civil 3D e até mesmo contando com o Autodesk Navisworks Manage para otimizar os dados para serem importados pelo Autodesk Infraworks.

1. Traduzindo dados de levantamentos através do AutoCAD Civil 3D

Quando estamos trabalhando no Autodesk Infraworks, é comum surgir a seguinte dúvida: Qual seria o melhor fluxo de trabalho para trazer dados de levantamentos topográficos para o Infraworks? A obtenção dos pontos do levantamento topográfico é fundamental para iniciar um projeto de qualquer natureza. Os dados de superfície podem ser importados para o AutoCAD Civil 3D no formato LandXML, e os pontos em FBK. Através da aba Survey é possível tratar os dados e efetuar as transformações de coordenadas geográficas. Para mais informações sobre estas funcionalidades de topografia e agrimensura no AutoCAD Civil 3D, consulte nosso post Apostila para Agrimensores e Topógrafos.

  • Na aba Insert, selecione Import ou algum atalho do painel que corresponda ao formato de dados que se deseja importar, no nosso exemplo LandXML.
  • Na primeira janela Import LandXML procure o arquivo XML que deseja importar, e selecione o botão Open.
  • Aparecerá uma segunda janela Import LandXML em que será possível selecionar quais informações contidas no arquivo você deseja trazer para o AutoCAD Civil 3D. Escolha quais dados deseja trazer, Units, Project Name, Application description, Alignments Name, etc. Dê ENTER ou selecione o botão OK.
  • Seus dados serão trazidos para a área de trabalho do AutoCAD Civil 3D, conforme figura a seguir, em que o alinhamento que foi importado do LandXML está indicado pela seta azul.

InfraworksParte2Img1

  • Ao verificar que os dados foram efetivamente importados, salve seu arquivo.
  • Agora, vamos exportar para poder levar para o Autodesk Infraworks. Na aba Output, selecione o botão Export IMX. O seu IMX será automaticamente gerado e salvo com o mesmo nome do seu DWG, no diretório que você tiver definido como padrão.
  • Abra o seu modelo no Autodesk Infraworks, e em Data Sources, clique para adicionar uma nova fonte de dados, e escolha a opção Autodesk IMX conforme a figura.

InfraworksParte2Img2

  • Na janela Select Files, procure o seu arquivo IMX. 

NOTA: Caso fique na dúvida qual pasta você havia definido como padrão para salvar seus arquivos no AutoCAD Civil 3D, quando o programa gera o IMX, ele mostra na linha de comando o caminho do IMX, então abra o AutoCAD Civil 3D e consulte a linha de comandos que você poderá identificar o local onde o IMX foi salvo.

  • O Autodesk IMX traz todos os elementos civis contidos no seu arquivo dwg do AutoCAD Civil 3D. No nosso exemplo, ele trouxe as estradas do meu modelo (Roads) e as superfícies (Surfaces). Vou desmarcar a caixa de seleção Surfaces que correspondia a dados contidos no modelo do AutoCAD Civil 3D antes da importação do LandXML, e deixar selecionada a caixa correspondente a Roads, que trará apenas os dados importados do LandXML. Após definir o que deseja trazer ao seu modelo no Infraworks, clique em OK.
  • Ao importar o Autodesk IMX, o Autodesk Infraworks automaticamente reconhece os seus dados. Tanto é que seu status já consta como Configured. Porém, é necessário conferir esta configuração automática. Com um duplo clique sobre o arquivo IMX importado, no painel Data Sources, você abrirá a janela Data Source Configuration.
  • Na aba IMX, sob Road Options, desmarque a caixa de seleção correspondente à opção Use Civil3D Corridor Regions (instead of native road styles). Isto permitirá que o Autodesk Infraworks atribua os estilos de estradas dele, passíveis de personalização pelo usuário. Selecione o botão Fechar & Atualizar ou Close & Refresh.

E, está pronto! A estrada aparecerá no seu modelo, conforme a figura:
InfraworksParte2Img3

 

2. Estratificação de Solos (Superfícies Subterrâneas) utilizando AutoCAD Civil 3D e Navisworks

Quando fazemos as prospecções de solo, sondagens, geramos diversos perfis geotécnicos. Estes perfis, traduzidos em planilhas CSV, podem ser importadas para o AutoCAD Civil 3D através do Geotechnical Module, um módulo do Civil para assinantes do Autodesk Subscription. Faremos um post em breve detalhando o manuseio do Geotechnical Module aqui no blog. Para facilitar a compreensão do fluxo de trabalho envolvendo o AutoCAD Civil 3D para transformar as camadas de solo em sólidos para que você possa visualizá-las no Autodesk Infraworks, vamos abordar o processo a partir de um certo ponto. Vamos partir do princípio que você tenha recebido um modelo DWG do AutoCAD Civil 3D em que se tenha as superfícies de três categorias de solo, conforme a figura abaixo.

InfraworksParte2Img4

Pode-se notar que as superfícies são compostas pela triangulação dos pontos no limite superior das camadas de solo, e não possuem a espessura de suas respectivas camadas. Porém, estas superfícies não me permitem fazer análises geotécnicas considerando o limite inferior das camadas. E, na verdade, isto é extremamente importante para definição do melhor local para implantação do meu projeto. Como fazer para que estas superfícies passam de superficiais para representações extrudadas da camada de solo, com profundidade? É disto que este fluxo de trabalho trata.

Bom, vamos lá!

  •  Selecione a superfície superior, correspondente ao solo de 1a Categoria, neste exemplo representada pelo material de cor chumbo.
  • Na aba Surface, que irá aparecer somente após a seleção da superfície, no painel Surface Tools, selecione a opção Extract Objects, conforme a figura abaixo.

InfraworksParte2Img5

  • A janela Extract Objects from Surface irá aparecer, em que serão listados os objetos passíveis de extração da superfície, de acordo com sua propriedade. No nosso caso, há apenas Triangles. Marque a caixa de seleção correspondente aos objetos que se deseja extrair e selecione OK.
  • Na Toolspace, na aba Prospector, selecione Surfaces. Com a tecla Shift segurada, selecione todas as superfícies representadas no modelo. Clique com o botão direito sobre Style, e escolha a a opção Edit.

NOTA: Se a Toolspace não estiver visível, ative-a selecionando o botão Toolspace. No Ribbon, vá à aba Home, e no painel Palettes selecione o botão Toolspace.

InfraworksParte2Img6

  • Na janela Select Surface Style, clique na seta para expandir a lista de opções de estilo e opte por “_No Display”. Dê OK.

As outras camadas (2a e 3a categoria) serão ocultadas. Isso facilitará a seleção de apenas os triângulos extraídos da camada de 1a categoria.

  • Selecione um dos triângulos. Clique sobre ele com o botão direito, e escolha a opção Select Similar, para selecionar todos os triângulos ao mesmo tempo.
  • Clique fora dos triângulos com o botão direito e em Isolate Objects, escolha a opção Isolate Selected Objects.
  • Na linha de comandos, digite EXTRUDE, e selecione os triângulos, conforme a figura abaixo. Após selecioná-los, dê Enter.

InfraworksParte2Img7

  • Defina a extrusão dos objetos, fornecendo a profundidade da camada de solo de 1a categoria, no nosso exemplo, 6 metros.
  • A seguir, o comando pedirá a definição da direção da extrusão. Desenhe uma linha de dois pontos na direção -Y. Assim, o comando extrudará os triângulos em 6 metros para baixo, resultando na figura abaixo.

InfraworksParte2Img8

  • Agora, na linha de comandos, digite UNION, e selecione os sólidos. Dê enter. O AutoCAD Civil 3D juntou todos os triângulos extrudados formando um sólido 3D (3D Solid) representando a camada de solo de 1a categoria com sua profundidade bem definida.
  • Dê ESC. Clicando com o botão direito fora do sólido 3D, em Isolate Objects, selecione a opção End Object Isolation.
  • Os perfis geotécnicos irão aparecer novamente. Selecione o sólido 3D e esconda-o, clicando com o botão direito, e em Isolate Objects optando por Hide Selected Objects. Ative a exibição da segunda camada. Toolspace > Prospector > Surfaces. Selecione a superfície correspondente ao solo de 2a categoria, e edite o seu estilo de volta de “_No Display” para “Triangulation”, conforme figura abaixo.

InfraworksParte2Img9

Repita os passos para as outras superfícies de solo.

Após transformar todas as superfícies em sólidos, é possível colocar os cada sólido em uma layer, nomeando pelo tipo de solo e modificando a cor de acordo com sua preferência. Recomenda-se copiar os sólidos para outro desenho em branco, colando a partir da origem PASTEORIG. Agora, vamos transformar estes sólidos em um modelo FBX através do Autodesk Navisworks Manage.

  • Salve o DWG com os 3 sólidos 3D.
  • Abra o Autodesk Navisworks Manage. Selecione o botão Append. Na janela Append, procure o arquivo DWG contendo os sólidos. Selecione Open. O Navisworks abrirá o modelo contendo as 3 camadas de solo, seguindo as cores definidas no AutoCAD Civil 3D.

InfraworksParte2Img10

  • Exporte o modelo como FBX, clicando no N verde > Export > FBX, conforme a figura abaixo.

InfraworksParte2Img11

  • Na janela FBX Options, aceite as configurações definidas por padrão clicando em OK. Selecione um local para salvar seu arquivo e dê um nome ao seu FBX.

Agora, basta levar ao Autodesk Infraworks.

  • Em Data Sources, clique para adicionar um novo arquivo de dados, e opte por 3D Model, conforme a figura a seguir. Na janela Select Files, procure seu arquivo FBX, e clique em Open.

InfraworksParte2Img12

  • Será necessário configurar o modelo. Dê um duplo clique sobre o nome do arquivo para abrir as configurações. No tipo, Type, selecione City Furniture. Na aba Geo Location, em Coordinate System, selecione o Sistema de Coordenadas em que está trabalhando. Como o modelo foi gerado a partir de dados do AutoCAD Civil 3D com atribuições de Geo Location, o sistema de coordenadas apropriado está indicado abaixo de Position. Após selecionar o Sistema de Coordenadas, selecione o botão Close & Refresh.

Pronto! O resultado ficará conforme a figura abaixo.

InfraworksParte2Img13

Obrigado a todos, e até a próxima!!

 

Pedro Soethe

Pedro Luis Soethe Cursino é formado em Engenharia Civil pela Universidade de Taubaté, tem pós-graduação em Georreferenciamento pela Faculdade de Pirassununga e em Estradas e Vias Urbanas pela FESP. Trabalha a mais de 15 anos na área de infraestrutura e é responsável por vários projetos executados no Brasil em diversas disciplinas como estradas, projetos urbanos, loteamentos, infraestrutura hidro-sanitária, drenagem, terraplanagem entre outras.

2 Comments

View by:
Most Recent Oldest
  1. AvatarFelipe Dias

    0

    0

    Aguardando anciosamente o post a respeito do manuseio do Geotechnical Module.
    Um abraço.